"A grandiosa Revolução Humana de uma única pessoa irá um dia impulsionar a mudança total do destino de um país e além disso, será capaz de transformar o destino de toda a humanidade."

ѵıѵα! ! ! ! α sgı 80 αησs ѵıѵα ! ! ! α вsgı 50 αησs ∂є яєαłızαçõєs,αѵαηçσ є sυcєssσ
ѵıѵα!!! sєηsєy

sgi

Loading...

Postagens populares

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

CARTA DE ANO NOVO


“Carta de Ano-Novo”

TRECHO DO ESCRITO: “Recebi cem bolinhos de arroz cozidos a vapor e um cesto de doces. O dia de ano-novo marca o primeiro dia, o primeiro mês, o início do ano e o início da primavera(1). Quem celebra esse dia tornar-se-á mais virtuoso e será amado por todos. Será como a lua que gradualmente se torna cheia à medida que se move do oeste para o leste ou como o sol que se torna cada vez mais brilhante em sua trajetória do leste para o oeste. Considerando a questão de onde estão o inferno e o Buda, um sutra diz que o inferno está debaixo da terra enquanto um outro diz que o Buda está no oeste. Entretanto, uma análise mais cuidadosa revela que ambos existem em nosso próprio corpo. De fato, o inferno está no coração da pessoa que insulta seu pai ou desrespeita sua mãe. É como a semente de lótus que contém tanto a flor como o fruto. Da mesma forma, o Buda habita nosso coração. Por exemplo, a pederneira contém o potencial para produzir fogo e as joias possuem um valor intrínseco. Nós, seres humanos, não enxergamos nem nossos próprios cílios, que estão tão próximos, nem o céu distante. Da mesma maneira, não conseguimos compreender que o Buda existe em nosso coração.” (As Escrituras de Nitiren Daishonin , vol. 1, págs. 413 a 415.)

É a sua hora e a sua vez!

O ano-novo é o badalar de um novo ciclo na vida dos seres humanos. É um momento de reflexão para que a próxima fase seja muito melhor. É o tempo exato para um grande avanço. E nada melhor que colocar a energia vital oriunda da prática da fé como fonte de inspiração e boa sorte.
A carta acima foi escrita pelo Buda Nitiren Daishonin após de ter recebido oferecimentos numa época em que alimentos eram raros e mais difícil ainda fazê-los chegar até a distante região na qual o Buda vivia. O escrito é carinhoso e incentivador. Nele, Daishonin agradece e brada para que sua discípula faça do ano-novo um momento revigorante, pois “quem celebra esse dia tornar-se-á mais virtuoso e será amado por todos”.

A época ideal da minha revolução humana

Este novo ano que começa traz uma “folha em branco” de oportunidades e é sábio aquele que entende o tempo, com base na perfeita lei do Nam-myoho-rengue-kyo, e segue o fluxo para iniciar um processo de mudança. Ou seja, agora é a época ideal da revolução humana.
Revolução humana é a transformação da vida e praticamos para isso. Não haveria sentido em praticar o Budismo não fosse a possibilidade real de uma profunda mudança interna e externa a partir da prática da fé. Na mensagem de ano-novo publicada na página A1 desta edição, o presidente Ikeda afirma: “Vamos vencer [em 2011]. Que cada um escreva uma nova história do triunfo da revolução humana e do dinâmico desenvolvimento do Kossen-rufu — por meio de forte oração, dedicado esforço e sólida união”.
Ele também afirma: “A revolução humana não implica que devamos nos converter em seres superiores e extraordinários. Ao contrário, significa um processo pelo qual, ao mesmo tempo em que lutamos para transformar dinâmica e profundamente as dimensões interiores de nossa existência, seguimos como pessoas comuns que enfrentam problemas e desafios sem fim em meio à vida cotidiana. (...) A revolução humana implica fazer um progresso contínuo, avançar mesmo que seja um passo mais que ontem, um passo a mais este ano do que no ano passado. Façam com que a transformação comece por vocês! Desbravem o caminho para a vitória!” (Brasil Seikyo, edição no 2.019, 16 de janeiro de 2010, pág. A2.)
As palavras do presidente Ikeda enchem o coração de esperança e alegria porque não importa qual a circunstância você esteja passando, a transformação total pode acontecer aqui e agora. A renovação contínua de nosso compromisso de basear a vida no Gohonzon provoca um grande progresso. As pessoas que são sinceras e dedicadas na fé jamais permanecem indefinidamente num beco sem saída, nem o seu sofrimento se arrasta para sempre.

Cenário Histórico

Nitiren Daishonin escreveu esta carta para a esposa de Omosu, irmã mais velha de Nanjo Tokimitsu, em agradecimento pelos sinceros oferecimentos enviados por ela no início do ano. É datada de 5 de janeiro, porém sem a indicação do ano. Assim, embora se saiba que Nitiren Daishonin a tenha escrito no Monte Minobu, nos últimos anos de sua vida, o ano exato não é conhecido.
Termos e Denominações:
(1) ... o primeiro dia, o primeiro mês, o início do ano e o início da primavera: De acordo com o calendário lunar utilizado na época de Nitiren, o início da primavera começa em janeiro.

Frase de apoio

“Este é o Budismo dos três mil aspectos contidos em cada instante vital. Em primeiro lugar, determinem firmemente o que vão empreender ou conquistar. Todos os esforços pelo Kossen-rufu são uma oportunidade para que transformem seu carma e levem a cabo sua revolução humana. Quanto maior o desafio, mais grandiosa será a vitória no momento de alcançar suas metas. Assim, empenhem-se ao máximo e não permitam qualquer retrocesso!” (Jossei Toda).